this ok Sentence this ok Sentence Ícone News - Madero comemora um ano em MT e crescimento da rede de 40% no primeiro semestre de 2016
MADERO COMEMORA UM ANO EM MT E CRESCIMENTO DA REDE DE 40% NO PRIMEIRO SEMESTRE DE 2016

MADERO COMEMORA UM ANO EM MT E CRESCIMENTO DA REDE DE 40% NO PRIMEIRO SEMESTRE DE 2016

  • Economia
  • Publicado em: 10/10/2016
  • Por: Ícone Press

O Madero comemora um ano em Cuiabá, nesse tempo mais de 200 mil pessoas já passaram pelo restaurante na capital mato-grossense. O bom número soma ao balanço do primeiro semestre da rede que cresceu 40%, em relação ao mesmo período do ano passado, alcançando um faturamento de R$ 191,1 milhão no período.

 

Segundo o chef Júnior Durski, presidente do Madero, que tem um carinho muito grande por Mato Grosso, pois trabalhava com exportação de madeira e tinha empresas na região, a aceitação do público mato-grossense foi ótima.

 

“O que mais nos chama atenção é o consumo de chopp, que é 20% maior do que nos demais restaurantes. Além disso, em Cuiabá a entrada mais consumida é a linguicinha de pernil defumada, enquanto no resto do Brasil é o palmito. Acredito que seja por conta da familiaridade que os mato-grossenses já têm com a linguiça cuiabana. Inclusive, trabalhamos para expandir nossa linha de linguiças artesanais”, pontua.

 

Os bons resultados do primeiro semestre somaram-se aos números de fechamento de 2015, ano que o Madero registrou um faturamento de R$ 334,5 milhões. A projeção do grupo é faturar mais R$ 259,5 milhões no segundo semestre deste ano, ultrapassando a marca de R$ 450,6 milhões em faturamento no ano.

 

“Vamos fechar o ano com um crescimento próximo a 35%. Desde o ano passado, essa é a prior crise que enfrentamos em nossa história, mas soubemos tirar o melhor proveito dela, ao melhorar nossas negociações e aprimorar nossa gestão e produção, especialmente com a inauguração da nova fábrica em Ponta Grossa”, explica o chef Júnior Durski.

 

Parte desse crescimento foi impulsionado pela inauguração de seus novos restaurantes no primeiro semestre, sendo quatro Containers e dois Steak Houses em Porto Alegre (RS), Vitória (ES), Araranguá (SC), Taboão da Serra (SP), Anápolis (GO) e Itu (SP). Somente nessas novas operações foram investidos R$ 14 milhões, incluindo a contratação de mais de 300 novos colaboradores.

 

Em Mato Grosso também existe a ideia de expandir a participação na modalidade Madero Container, que tem valor médio por unidade de R$ 1,5 milhão.  “Rondonópolis, Sinop e Lucas do Rio Verde estão no nosso radar, mas no momento estudamos pontos e aguardamos condições favoráveis de negociação”, afirma Durski.

 

No segundo semestre, ainda estão previstas 11 inaugurações, sendo sete Steak Houses e quatro Containers, e a contratação de mais 600 colaboradores. Em julho, o Madero já chegou ao estado de Minas Gerais, com um Container em Juiz de Fora, e abriu mais um Steak House no Espírito Santo, em Vila Velha. O Madero projeta fechar 2016 com 86 restaurantes e 2.600 funcionários. Esse exército de colaboradores é necessário para garantir o volume de atendimentos das suas operações, que é de aproximadamente oito mil clientes/mês nas unidades Containers e 25 mil clientes/mês nos Steak Houses.

 

Para 2017, Jr. Durski já projeta novos investimentos. R$ 20 milhões já estão reservados para a construção de mais uma fábrica do Madero no município de Ponta Grossa (PR), anexa a atual. Além disso, a rede planeja abrir 40 novas unidades por ano no Brasil a partir do ano que vem, e mais 5 unidades na Flórida, EUA, mantendo os elevados percentuais de crescimento.

Pesquisa

O crescimento sustentável do Grupo Madero vem sendo reconhecido pelas empresas de consultoria do país. O Madero está entre as empresas que mais crescem no país, segundo a 11ª edição da pesquisa “As Pequenas e Médias Empresas (PMEs) que Mais Crescem no Brasil” (http://www2.deloitte.com/content/dam/Deloitte/br/Documents/conteudos/pmes/PME-2016.pdf) levantamento conduzido pela Deloitte para a revista Exame e divulgado na quinta-feira (8), em São Paulo. Desde que começou a expansão, é a terceira vez que a empresa conquista um lugar de destaque na pesquisa.

 

O levantamento mostra que a empresa ficou em 14º lugar entre as 100 empresas no ranking nacional e na 4ª posição entre as empresas do Paraná que mais cresceram entre 2013 e 2015. Na última edição da pesquisa, o Madero ficou em 15º lugar no ranking nacional de um total de 250 empresas.

 

“Estar por dois anos consecutivos entre as 20 empresas que mais crescem no país é um orgulho para o Madero, principalmente em um período difícil que atravessa o país. O levantamento da consultoria revela que estamos no caminho certo. Esperamos subir ainda mais no ano que vem e quem sabe já estar no ranking das grandes empresas”, afirma o chef e empresário Junior Durski.


 Sobre o Madero – Em 2005, o chef Junior Durski inaugurou o primeiro restaurante Madero, no centro histórico de Curitiba, com a premissa de oferecer uma comida saudável e gostosa, além de um atendimento de qualidade num ambiente diferenciado. Hoje, são mais de 80 restaurantes espalhados em diversas cidades do país, nos Estados de Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Goiás, Bahia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Espírito santo, Minas gerais, além do Distrito Federal. A rede também tem um restaurante em Miami, nos Estados Unidos.

madero um ano cuiabá crescimento franquia hamburguer

COMENTÁRIOS