this ok Sentence this ok Sentence Ícone News - Sicredi Ouro Verde destina R$ 460 mil para apoiar 72 projetos sociais
  SICREDI OURO VERDE DESTINA R$ 460 MIL PARA APOIAR 72 PROJETOS SOCIAIS

SICREDI OURO VERDE DESTINA R$ 460 MIL PARA APOIAR 72 PROJETOS SOCIAIS

  • Notícias
  • Publicado em: 06/07/2017
  • Por: Ícone Press

A Sicredi Ouro Verde MT, instituição financeira cooperativa que atua em 15 municípios de Mato Grosso, acaba de destinar R$ 460 mil para o fomento de projetos de cunho social. A assinatura dos convênios com as entidades contempladas pelo Fundo Social aconteceu na última sexta-feira (30.06), nas agências do Sicredi.

            Este ano, 72 projetos vão receber recursos, quase o dobro do ano passado, quando foram contemplados 39. O volume de recursos distribuídos este ano aumentou 91% na comparação com 2016, quando foram destinados cerca de R$ 240 mil. Em 2017, 105 projetos foram inscritos e passaram por avaliação do comitê, que definiu, com base no regulamento, quais seriam beneficiados.

Conforme destaca o presidente da Sicredi Ouro Verde MT, Eledir Pedro Techio, a alocação de recursos para o Fundo Social é uma deliberação feita pelos associados em assembleia. “O Fundo Social é um recurso que os associados da cooperativa abriram mão e estão contribuindo para o apoio às entidades. Cada associado cedeu um pouquinho daquilo que era do seu resultado para que a gente destinasse a esses projetos”, observa.

            O Fundo Social tem por objetivo fortalecer ações desenvolvidas por entidades que atuem em benefício da comunidade, reforçando um dos diferenciais do Sicredi, que é o compromisso com a região onde está presente. Os recursos são utilizados para o apoio a projetos educacionais, como a inclusão de portadores de necessidades especiais, inclusão digital de crianças, jovens e adultos carentes; projetos sociais e culturais como folclore, música e teatro, desde que destinados à inclusão de crianças, jovens e adultos carentes da comunidade; projetos esportivos, desde que destinados à inclusão social de crianças e jovens; e projetos de saúde que atendam à comunidade com iniciativas de saúde básica e preventiva.  “Nós entendemos que essas entidades fazem um papel fundamental no desenvolvimento da sociedade. São pessoas ajudando pessoas, e isso faz a diferença”, destaca Techio.           

A cooperativa Sicredi Ouro Verde, com sede em Lucas do Rio Verde, tem cerca de 56 mil associados e atua em mais 14 municípios, mantendo agências em 13 deles, sendo Lucas do Rio Verde, Cuiabá, Nova Mutum, Santa Rita do Trivelato, Nobres, Rosário Oeste, Ipiranga do Norte, Itanhangá, Diamantino, São José do Rio Claro, Nova Maringá, Alto Paraguai e Tapurah. Na Capital, a cooperativa contemplou sete projetos, que receberam R$ 71 mil. Um deles foi a Associação de Trabalhadores Voluntários Contra o Câncer de Mama em Mato Grosso (MT Mamma), beneficiada com recursos do Fundo Social pelo terceiro ano consecutivo. A presidente Cleuza Dias Leite agradeceu o apoio do Sicredi e disse que cada contribuição é bem-vinda, e sempre vem em boa hora. “Trabalhamos com pessoas que estão bastante fragilizadas. Receber a notícia de um câncer e ter a mama mutilada abala muitas mulheres, pois o tratamento é delicado, há perda de cabelo. Tudo isso mexe com a autoestima da mulher e tentamos minimizar a dor, resgatando a autoconfiança dela”.

 

Outra entidade contemplada foi a Associação Centro América de Karatê Shotokan. O presidente José Humberto de Souza destacou que 1,5 mil adolescentes são atendidos pelo projeto e que o apoio recebido da cooperativa de crédito será destinado à compra de quimono e outros itens para os 200 novos praticantes do esporte incluídos recentemente. “Agora teremos condições de atender esses novos praticantes, que terão a chance de se tornarem atletas. Nossa associação tem campões em 15 Panamericanos e 70 campeões brasileiros”, destacou.

Atendendo aos pequenos, o Instituto Desportivo da Criança também foi beneficiado pelo Fundo Social da Sicredi Ouro Verde. A representante da entidade, Ana Paula Peixoto, informou que o projeto existe desde 2003 e que desde 2008 é associado ao Sicredi. “O instituto atende cerca de 150 crianças em Cuiabá e Várzea Grande com dois projetos no contraturno escolar, proporcionando aprendizado e uma vida melhor às crianças”.

Em Cuiabá, a gerente regional de Desenvolvimento da Sicredi Ouro Verde, Cheila Cristina Girardello, participou da cerimônia de assinatura do convênio com as entidades e ressaltou que a cooperativa de crédito é parceria da comunidade e quer ajudar os projetos, mas que precisa do apoio dessas entidades para ajudar a divulgar o Fundo Social e assim ter um maior número de projetos inscritos e contemplados a cada ano. “É através do boca a boca que vamos crescer, indicando novos associados e assim aumentar nossa atuação. Para o próximo ano temos certeza que teremos mais projetos”.

 

Como participar

 

Para ser contemplada com o Fundo Social da Sicredi Ouro Verde, a entidade precisa cumprir algumas regras estabelecidas no regulamento. Entre elas estão a condição de estar legalmente constituída, com CNPJ e Estatuto Social e serem associadas à cooperativa. Os projetos inscritos passam por avaliação de um comitê, que define, usando os critérios estabelecidos no regulamento, quais serão os beneficiados. As entidades contempladas precisam prestar contas da aplicação do recurso recebido para o desenvolvimento do projeto. A prestação de contas é critério indispensável para que a entidade pleiteie recursos novamente nos próximos anos.

Como sistema cooperativo, o Sicredi tem como missão valorizar o relacionamento, oferecer soluções financeiras para agregar renda e também contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos associados e da sociedade. Na Sicredi Ouro Verde, este pilar social da cooperativa sempre esteve em evidência, por meio do auxílio a entidades que promovem ações sociais, de forma a contribuir com o desenvolvimento das comunidades onde atua.

sicredi mato grosso banco

COMENTÁRIOS